Está a chegar o Super Bock Super Rock

Está a chegar o Super Bock Super Rock

A estreia da cantora norte-americana Lana del Rey e o regresso do músico britânico Peter Gabriel, em formato orquestra, deverão marcar o 18.º festival Super Bock Super Rock (SBSR), que começa na quinta-feira, perto de Sesimbra.

No ano em que atinge a maioridade, o festival acolhe várias estreias de artistas em Portugal, alguns regressos e nomes recentes da música internacional, a braços ainda com primeiros discos.

O festival SBSR decorrerá de quinta-feira a sábado em três palcos e com cerca de 45 actuações, embora na quarta-feira haja uma recepção aos campistas com actuações de DJ.

Na quinta-feira, a banda rock alternativa Incubus - que cumpriu 20 anos em 2011 - poderá sentir-se a mais velha em campo, ao lado de propostas que são já do século XXI, como os ingleses Bloc Party e Hot Chip, a cantora Bat for Lashes e os Alamaba Shakes.

Natasha Khan, que assina Bat For Lashes, e editará em Outubro o álbum "The Haunted Man", e os norte-americanos Alabama Shakes, a banda blues rock de Brittany Howard, que lançou há dois meses o primeiro álbum, "Boys & Girls", tocam pela primeira vez em Portugal.

A abertura de palco ficará por conta dos Salto e Capitão Fausto, recentes nomes da música portuguesa, enquanto no espaço electrónica se destacam Dâm-Funk e Flying Lotus.

Na sexta-feira, é natural que as atenções recaiam na cantora Lana Del Rey, de quem toda a imprensa especializada falou desde meados de 2011, quando saiu o tema "Video Games".

Lana del Rey já tinha editado um EP que passou despercebido, mas só chamou a atenção de uma editora discográfica maior com aquela canção, que a colocou, de forma intensiva, nas capas das revistas de música e nas redes sociais. O álbum de estreia, "Born to die", que saiu apenas em Janeiro, dominará o concerto.

Além da cantora, no mesmo palco actuarão os portugueses Supernada, os The Rapture, que estiveram há algumas semanas no Optimus Primavera Sound, no Porto, os Friedly Fires e a cantora M.I.A.

No palco EDP, destacam-se as actuações dos Wraygunn, de Paulo Furtado e Raquel Ralha, e dos Horrors.

No sábado, o cabeça-de-cartaz será o músico britânico Peter Gabriel, o que não significa que seja o último a actuar, porque tem concerto marcado para as 22:00.

A organização fez alterações na estrutura do palco principal por causa do concerto deste nome histórico do rock, que se apresentará com uma orquestra para interpretar, como novos arranjos, um repertório antigo e registado no álbum "New Blood" editado em 2011.

A New Blood Orchestra contará com mais de 50 músicos em palco para interpretar temas de diferentes períodos da carreira de Peter Gabriel, como "Solsbury Hill", "Intruder", "Don't Give Up" e "In Your Eyes".

No sábado actuarão ainda a cantora espanhola Bebe, Aloe Blacc, The Shins, que editaram este ano "Port of Morrow", e, em estreia em Portugal, Skrillex, o projecto do músico e produtor norte-americano Sonny Moore, mais virado para as pistas de dança.