Base Aérea n.º1 comemora 92.º aniversário

A Base Aérea Nº1 (BA1), localizada na Granja do Marquês, em Sintra, comemorou o seu 92.º aniversário numa cerimónia que contou com a presença de entidades civis, entre as quais o presidente da Câmara de Sintra, Fernando Seara, altas patentes militares, e do Chefe do Estado-Maior da Força Aérea (CEMFA), General José Pinheiro, que presidiu à cerimónia militar.

Entre as aeronaves EPSILON-TB 30 da Esquadra 101 e do CHIPMUNK MK20 da Esquadra 802, as forças em parada prestaram honras militares aos convidados e ao CEMFA. Seguiu-se a integração do Estandarte Nacional na formatura, acompanhado do Hino Nacional, entoado por todos os presentes.

A cerimónia prosseguiu com a condecoração do Estandarte Nacional e com uma alocução do Comandante da BA1, Coronel António Branco, na qual destacou o papel importante da unidade junto da comunidade local, com a visita de mais de um milhar de alunos e professores do ensino básico e secundário, bem como de instituições de solidariedade de todo o país. Salientou ainda as ações de apoio logístico e de manutenção que a BA1 promove nas aeronaves da Academia da Força Aérea e do Museu do Ar, e o cumprimento da missão, fruto da dedicação e trabalho do efectivo da unidade.

As últimas palavras do Comandante da BA1 foram para os 13 novos pilotos que, com sucesso e esforço, durante 6 anos de formação, terminaram com aproveitamento o Tirocínio de 2011, recebendo as "asas" (brevet) de piloto, que lhes confere as qualidades e características necessárias para o cumprimento da missão e para se tornarem os futuros pilotos de elite da Força Aérea.

A BA1 é uma unidade com história onde a maioria dos pilotos da Força Aérea foram formados e onde as tradições da instrução estão enraizadas.