Câmara quer instalar pólo universitário em Carcavelos

Município identifica terreno junto à NATO.

A Câmara de Cascais encontrou já, em Carcavelos, um terreno para implantar o ‘campus’ universitário da Faculdade de Economia da Universidade Nova de Lisboa, uma proposta que, no entanto, terá ainda de ser aprovada pelo Governo.
Depois de a Câmara de Cascais ter celebrado em Fevereiro um protocolo com a Universidade Nova de Lisboa que previa o prazo de um ano para a autarquia encontrar um terreno com "100 mil metros quadrados, num local simbólico, situado junto ao mar e com acessibilidades várias" para instalar a prestigiada New School of Business and Economics, o executivo liderado por Carlos Carreiras encontrou já o destino ideal.
"Identificámos um terreno com as características, tentámos um entendimento com o proprietário, mas não foi possível e portanto não haverá outra alternativa senão a expropriação, daí ser necessário que a proposta seja analisada em Conselho de Ministros", esclareceu o presidente da Câmara de Cascais, Carlos Carreiras.
Em declarações à Agência Lusa, o autarca adiantou ainda que o terreno em causa está situado num espaço contíguo ao comando da NATO, em Oeiras, pertence a um privado e implica intervenção do Governo.
"O processo é complexo, não se trata de uma expropriação normal e, por isso, terá de ser aprovado e desenvolvido pelo Ministério da Administração Local", acrescentou Carreiras.
Apresentada, recentemente, em reunião de Assembleia Municipal, a proposta de instalação da nova faculdade em Carcavelos motivou um debate aceso entre o presidente da autarquia e a bancada socialista, mas acabou por ser aprovada por unanimidade.