NOVA SBE: “Lugar único, onde se respira liberdade, se busca a verdade e se molda o futuro”, diz Carlos Carreiras

Marcelo Rebelo de Sousa destacou “notável contributo” do presidente da Câmara de Cascais, “É verdade que tem uma grande equipa”, disse, acrescentando: “Mas uma grande equipa só é grande quando tem um grande líder". 
O presidente da Câmara Municipal de Cascais disse, na cerimónia de inauguração da NOVA SBE, em Carcavelos, que os alunos e professores podem fazer deste novo campus um “lugar único, onde se respira liberdade, se busca a verdade e se molda o futuro”.

Carlos Carreiras saudou calorosamente todos os que fizeram parte deste “dia transformador” para Cascais e para a Universidade Nova de Lisboa.

“Foram poucos os que sonharam com este projeto. Foram muitos os que trabalharam para que ele se realizasse. O dia é pois deles todos”, começou por afirmar o autarca.

“Estou aqui para lhes agradecer e com eles celebrar”, disse, agradecendo a todos os doadores, desde as grandes empresas, às famílias e ao cidadão anónimo.

“Orgulhemo-nos juntos de termos criado uma academia do saber e de espirito singular”, afirmou o autarca.

Carlos Carreiras agradeceu a todos os trabalhadores que, durante dois anos, construíram esta que foi a maior obra pública do país: "trabalharam ao sol e à chuva, contra o relógio e contra as adversidades”, recordou.

“Orgulhemo-nos por termos criado uma obra que perdurará no tempo”, afirmou, agradecendo ao atual e ao anterior governo o apoio dado de forma continuada.

Agradeceu também ao Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, que sempre acreditou neste projeto onde plantou a primeira árvore e sobre a qual quis estrar sempre a par.

Estendeu os agradecimentos à equipa da Câmara Municipal de Cascais, no quadro político na pessoa do vice-presidente Miguel Pinto Luz, e, no quadro técnico, na pessoa do Eng.º Bernardo Pinto Gonçalves.

O presidente da Câmara disse que “os alunos e professores são aqueles que podem fazer deste campus um lugar único, onde se respira liberdade, onde se busca a verdade, onde se molda o futuro”

“Estar presidente de Câmara é ser merecedor da confiança das pessoas naquilo que é mais sagrado na vida política: na função de representar os seus concidadãos e ter o privilégio de tomar decisões com impacto positivo na comunidade”, afirmou, acrescentando: “Quando a essa honra de representar o povo se soma a possibilidade de fazer história, como a que hoje aqui escrevemos, a política e o político cumprem a sua missão: fazer o que deve ser feito para criar oportunidades para todos”.

Finalmente, apelou para que “a energia a força e a mobilização da sociedade civil ue esteve na origem do campus de Carcavelos da Nova SBE não esmoreça. Precisamos dela para que, a partir de Carcavelos, possamos mudar o país; para que a partir de Cascais possamos inspirar a sociedade a ter ambição e a concretizar o sonho”.

Acrescentou ainda que este campus é reflexo a audácia que fez mover as relações entre Cascais e Universidade Nova de Lisboa. Essa audácia começa aqui, mas não termina hoje aqui, nem agora.

“Temos muito caminho à nossa frente e, por isso, vamos caminhá-los juntos”, sublinhou, terminando: “Sejam todos bem-vindos a Cascais. Sejam bem-vindos à nossa casa. A partir de hoje a vossa casa”.

Por seu lado, na sua intervenção, o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, considerou a NOVA "uma grande escola, pioneira em tantos lances científicos, pedagógicos, nacionais e internacionais”.

Marcelo Rebelo de Sousa elogiou os professores da universidade e “todos quantos fizeram a sua história, destacando, em particular, Alfredo de Sousa, e todos os que a viveram intensamente, em particular, o primeiro Presidente da República de Portugal economista e mais duradouro primeiro-ministro, Aníbal Cavaco Silva”.

Marcelo Rebelo de Sousa destacou também o “notável contributo” do presidente da Câmara Municipal de Cascais, “É verdade que tem uma grande equipa”, disse, sublinhando: “Mas uma grande equipa só é grande quando tem um grande líder".

No final do seu discurso, o Chefe de Estado surpreendeu os dirigentes da nova escola de Carcavelos ao atribuir à Nova School of Business o título de Membro Honorário da Ordem da Instrução Pública pela “sua capacidade de sonhar e projetar para contruir o futuro”. 

S.R. S/(Fotos, Pau Storch/Luís Bento).

Fonte: Câmara Municipal de Cascais