O Boss está em Almada

Considerado por muitos o pai do hip-hop português, Boss AC vem a Almada este sábado mostrar em primeira mão o seu novo CD “AC para os amigos”, de onde faz parte o tão badalado e contagiante “Sexta-feira”. Faz tempo que o músico conquistou um lugar de topo no panorama nacional, ajudando a tirar da sombra este género de raiz ‘underground’, e conciliando-a com sonoridades mais pop. Com uma carreira que conta já quase 20 anos, o ‘rapper’ (que se estreou em 1994 na colectânea Rapública) tem somado sucessos a cada ano que passa, esgotando regularmente importantes salas de espectáculos e festivais, tanto em Portugal como no estrangeiro, e partilhando a cena com alguns dos maiores artistas nacionais e internacionais. Com quatro discos a solo já gravados, “Mandachuva” (1998), “Rimar contra a maré” (2002), “Ritmo amor e palavras” (2005) – que ultrapassou a marca de platina com mais de 30 000 exemplares vendidos – e “Preto no branco” (2009), Boss AC arrecadou importantes prémios nacionais, entre os quais o Galardão de Autor Jovem do Ano, atribuído pela SPA em 2007, e a dupla nomeação para Best Portuguese Act nos MTV European Music Awards. No próximo fim- -de-semana apresenta-se em nome próprio, ele e mais os seis músicos que o acompanham, em discurso directo na Margem Sul.

Teatro Municipal de Almada, sábado, 14 de Abril, pelas 21h30.