Web Summit: Plataformas de transporte e táxis com reforço de frota e descontos

As plataformas de aluguer de transporte com condutor e táxis preparam-se com reforço de frota e descontos para a chegada dos milhares de participantes na Web Summit, que decorre na próxima semana em Lisboa.
 
Nuno Santos, diretor-geral da Cabify em Portugal, informou que a empresa fará um reforço da frota, “especialmente na zona que rodeia o local do evento, dado tratar-se de uma zona relativamente distante do centro da cidade, onde se localizam os principais hotéis e restaurantes”.
 
A plataforma de transporte com condutor também vai garantir descontos aos utilizadores, que se desloquem de e para o local da conferência, com os clientes privados, que viajarem na categoria ‘Group’, a contabilizar um desconto de 20% num valor total até 25 euros. A categoria Group disponibiliza veículos até oito lugares.
 
“Relativamente à edição anterior da Web Summit, sabemos que teremos um maior volume de viagens pois, em 2016, a Cabify acabava de chegar a Lisboa e hoje somos uma das alternativas de mobilidade preferidas pelos moradores e visitantes da cidade”, acrescentou o responsável, em resposta a questões da Lusa.
 
Por seu lado, a Uber anunciou que as viagens partilhadas e 25% mais baratas face à uberX regressam entre 03 a 12 de novembro para poder, assim, “contribuir para que Lisboa se mantenha em movimento, em especial durante eventos como a Web Summit, que colocam grandes desafios à mobilidade na cidade e condicionarão o trânsito ao longo de vários dias”.
 
Em comunicado, a plataforma explicou que a modalidade ‘uberPOOL’ “permite que pessoas que se deslocam na mesma direção, e ao mesmo tempo, possam partilhar automaticamente a viagem, de forma instantânea”.
 
Esta é a terceira vez que a empresa disponibiliza viagens partilhadas em Lisboa, tendo a estreia sido há um ano, aquando da 1.ª edição da conferência de tecnologia e empreendedorismo, e a segunda em julho deste ano, durante os festivais de verão.
 
A Federação Portuguesa do Táxi, por seu turno, informou ter apelado aos seus associados da grande Lisboa para que, em colaboração com as autoridades e a organização da Web Summit, disponibilizem meios e recursos para o transporte dos milhares de participantes.
 
A Câmara Municipal de Lisboa já anunciou que o trânsito estará condicionado na cidade até ao próximo dia 13, nas freguesias do Parque das Nações, Santa Maria Maior, Misericórdia e Alcântara devido à realização da Web Summit, que decorrerá entre 06 e 09 de novembro.
 
Fundada em 2010 por Paddy Cosgrave e os cofundadores Daire Hickey e David Kelly, a conferência é um dos maiores eventos de tecnologia, inovação e empreendedorismo do mundo e evoluiu em menos de seis anos de uma equipa de apenas três pessoas para uma empresa com mais de 150 colaboradores.
 
A cimeira tecnológica, que nasceu em 2010 na Irlanda, mudou-se para Lisboa por três anos, com possibilidade de mais dois.